sábado, 4 de julho de 2015

Quanto da tua essência

Quanto da tua essência expressas no olhar?
Nesses fundos olhos que abarcam o mundo
E o tornam pequeno perante a tua magnificência.


Sem comentários: