Mensagens

A mostrar mensagens de Dezembro, 2005

Horizonte

Imagem
Este som que sai das colunas do bar, música suave e ritmada cria um ambiente ideal em conjunto com o cenário que os meus olhos alcançam. O mar lá longe, calmo, que vejo pelas janelas, parece ter sido rigorosamente dividido do céu por uma ténue linha, a que chamamos horizonte. A linha perfeita que divide o céu da terra. Os homens aqui a meu lado não vêem o céu nem a terra, muito menos a linha que os separa, ténue linha de nada, de material nenhum. Impávidos e serenos bebem e fumam, lêem as desgraças diárias e discutem futilidades, dando opiniões que julgam credíveis, quando na verdade não valem o silêncio que ousaram quebrar. Alguns riem, parecem felizes, e talvez sejam, acredito que sim. É bom ouvir gargalhadas saudáveis, boa disposição, companheirismo, alegria, antídoto para a outra face, face obscura do ódio, do sofrimento auto incutido, da solidão doente. A música continua, concentro-me. Olhando para lá da praia vejo o horizonte, a linha divisória e apercebo-me que o céu e a terra …