sábado, 14 de abril de 2012

Flash arrebatador

Há dias em que ficas com o coração nas mãos, o passado passa-te à frente dos olhos. E nesse momento de flash teres a capacidade de ver o que de bom viveste, analisar num ínfimo segundo a tua vida e sorrires por cada conquista, por cada construção, e mais importante ainda, por cada brilho no olhar que fizeste desabrochar.
Lacrimejante, não de nostalgia, como alguns poderiam pensar, mas de gratidão profunda por aquilo que foi vivido e por aquilo que me será proporcionado viver.

Sem comentários: